terça-feira, 22 de março de 2011

Definição de sucesso e como alcançá-lo

Meus queridos,

vcs já tiveram a sensação de que alguém conseguiu ler seus pensamentos? Aquela sensação que sentimos quando estamos pensando em uma coisa, e um amigo chega falando exatamente sobre este assunto. Pois bem, neste último fim de semana, minha namorada amada, querida e idolatrada conseguiu ler meus pensamentos e me presenteou com um livro. Caraca, impressionante como ela conseguiu me dar exatamente o livro que estava precisando ler. E olha que eu nem o conhecia... mas só de ler a introdução e as primeiras páginas, já aprendi muita coisa e consegui acalmar dentro de mim muita coisa que estava em oscilação.

Este livro é de John Wooden, um treinador de basquete americano, que conduziu a equipe da Universidade da Califórnia a 10 títulos nacionais em 12 anos, durante a década de 1970 e foi o responsável pela descoberta de um dos maiores jogadores de basquete de todos os tempos: Kareem Abdul-Jabbar. O livro é de uma série organizada pelo Bernardinho, chamada "Coleção NA VIDA COMO NO ESPORTE". Ainda não cheguei nem na metade do livro, mas já posso trazer para vocês alguns dos pensamentos que considero mais importantes até agora.



Para o autor, o sucesso é "a paz de espírito proveniente da consciência de que você fez o maior esforço possível para se tornar o melhor dentro do seu potencial."
Mesmo há 2 ou 3 décadas, já existia a cultura de que o bem sucedido é o vencedor, o que ganha, o que faz mais pontos, vende mais, etc.. Entretanto, é isso mesmo que representa sucesso? Vale mais ganhar de um adversário mais fraco, mesmo que jogando mal, ou perder para um adversário mais forte, desde que tenhamos nos esforçado o máximo que podíamos? Este treinador de basquete ficou 88 partidas invicto. Isto significa 4 temporadas do basquete universitário conquistadas sem uma única derrota. Impressionante, não? Pois este vencedor indiscutível nos ensina que não devemos ficar pensando em ganhar, ganhar, ganhar. Devemos pensar em nos esforçar até o nosso limite, e cada vez mais. Não devemos medir nosso sucesso em comparação com outras pessoas, mas em comparação individual. Devemos avaliar se somos melhores hoje do que éramos ontem. Isto sim é o sucesso.

Venho dizendo isto para os meus alunos constantemente. Mas é difícil remar contra oq estes mesmos alunos ouvem em casa, na rua, dos amigos, e por aí vai... Acredito piamente que nosso sucesso vem da superação de nossos próprios limites. Nosso sucesso é conquistarmos a vitória, mas com merecimento. Se a vitória não vier, teremos a consciência tranquila de que fizemos o nosso melhor. Ler este livro está sendo um revigorante para manter meu discurso.

John Wooden cita seu pai e recomenda 7 itens a serem observados, em busca do sucesso:
1. Seja verdadeiro consigo mesmo.
2. Ajude os outros.
3. Faça de cada dia sua obra-prima.
4. Leia bons livros, sobretudo a Bíblia.
5. Transforme a amizade em uma arte.
6. Construa um abrigo para os dias de chuva.
7. Ore todos os dias para pedir orientação e agradecer as bençãos que recebeu.

Uma coisa curiosa que o autor ressalta no livro é que dificilmente ele usava a palavra "vitória" aos seus comandados. Ele convencia os jogadores a fazerem o seu máximo, a serem atentos aos detalhes. Quantos jogos são decididos por uma cesta ou um ponto? Quantos alunos não são reprovados por 0,1? Sendo atentos aos detalhes e fazendo sempre o nosso máximo, a vitória virá até nós como consequência. Este é o exemplo de John Wooden. Devemos sempre pensar em vencer, mas a vitória não deve ser nosso primeiro objetivo. A preparação para ela sim, deve ser. Se nos prepararmos bem, vencer será consequência.

Antes que alguém ache que o autor não acha bom ganhar, ou que eu acho que devemos valorizar as derrotas, quero ressaltar duas coisas: o autor repete várias vezes ao longo do livro que deseja ganhar TODOS os jogos, sempre. Porém, sabe que a vitória não vem por acaso. Não é por sorte ou destino. A vitória é consequência, sempre, do nosso esforço. E colocando a minha opinião pessoal, ressalto que gosto MUITO de ganhar. Sou um péssimo perdedor. Mas quando perco em alguma coisa, tento sempre aprender porque estou perdendo e oq posso melhorar para ganhar. Tento ser melhor na próxima do que fui nesta. Assim, naturalmente, as vitórias vêm. Não acho legal perder, mas fracasso real é não ter se dedicado de verdade para ganhar. A derrota, se vier com esforço e aprendizado, é a base para as vitórias que virão.

A todos os candidatos aos vestibulares mais difíceis do Brasil, desejo que tenham muitas e muitas vitórias, baseadas nos seus esforços. Isto é o sucesso!

Uma boa semana a todos. A aprovação é logo ali.

Beijomeliga!

7 comentários:

  1. amoooor, que fofooo! =)

    "A vontade de se preparar precisa ser maior que a vontade de vencer".

    Vencer todo mundo quer... mas pouca gente se entrega de verdade ao seu objetivo.


    Beijocaaaas

    ResponderExcluir
  2. Humberto, entro no seu blog todos os dias para ver se tem novos posts rsrsrs, você realmente é uma fonte de inspiração pra muitas pessoas, não só para os que desejam ingressar no ITA ou no IME mas em todas as coisas da vida. Por favor continue sendo sempre assim! =]

    ResponderExcluir
  3. Humberto, você não tem idéia do quanto me ajuda

    ResponderExcluir
  4. Marcelle : FVip caxias24 de março de 2011 19:48

    Humbertinho, vc não sabe o qto vc nos ajuda... Particularmente, tem um tempo q não leio seu blog e hj, um dia daqueles, decidi entrar e mais uma vez, o texto caiu como uma luva. Brigadão, mestre!!!

    Bjs, Deus te abençoe, vc merece!

    ResponderExcluir
  5. Humberto, "por acidente", conheci seu blog ano passado e desde então entro aqui todos os dias p/ ver se tem algo novo. Além de não saber o quero fazer da vida, sou péssimo aluno rs...rs, mas quando leio os seus posts me sinto capaz de passar até no ITA e no IME.

    "o sucesso é "a paz de espírito proveniente da consciência de que você fez o maior esforço possível para se tornar o melhor dentro do seu potencial."

    Just perfect!
    Vlw por me fazer conhecer essa frase.

    ResponderExcluir
  6. Quando eu passar na EFOMM vou te visitar pessoalmente para agradecer, obrigado pelas palavras.

    ResponderExcluir
  7. Fantastico, inspirou meu dia e o resto da minha vida. Essas palavras realmente mudaram meu ano desde já, obrigado.

    ResponderExcluir